Aldeias Históricas de Portugal

Pueblos

Freixo do Rei Vamba

Idanha-a-Velha

Idanha-a-Velha

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en Portugués De Portugal y Inglés Estadounidense. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the default language of this site. You may click one of the links to switch the site language to another available language.

Na tapada do Jardim ou chão do Freixo, permanece um frondoso freixo, dito do Rei Vamba, mítico símbolo da prevalência dos desígnios divinos sobre a vontade humana. Ali, segundo a lenda, o lavrador Vamba, futuro rei visigodo, espetou uma vara seca de freixo que milagrosamente floresceu perante o seu desafio, demonstrando a sacralidade monárquica em que estava investido. Vamba (também conhecido por Bamba ou Wamba) foi rei dos visigodos entre 672 e 680. Esta lenda faz parte do folclore indoeuropeu e na Península Ibérica há várias terras que a reclamam para si. A versão que a situa em Idanha-a-Velha surge nas crónicas ibéricas pelo menos a partir do século XIV.